A Quantos Mundos Se Aplicam a Expiação de Jesus Cristo? | Intérprete Nefita
Logo

A Quantos Mundos Se Aplicam a Expiação de Jesus Cristo?

A Quantos Mundos Se Aplicam a Expiação de Jesus Cristo?

Pergunta:

Qual é o alcance da Expiação de Jesus Cristo? Em outras palavras, a Expiação se aplica a todos os habitantes de outros mundos criados ou apenas aos habitantes desta terra?
 


Resposta:

Olá,

A questão é interessante e diferentes líderes da Igreja abordaram o assunto de maneira objetiva. O Elder Bruce R. McConkie ensinou:

"O poder e jurisdição de nosso Senhor se estende muito mais do que os limites dessa pequena terra em que vivemos; Ele é, abaixo do Pai, o Criador de mundos sem fim. (Moisés 1:33) E através do poder de Sua Expiação os habitantes dessas terras, a revelação diz, 'são filhos e filhas gerados para Deus' (D&C 76:24), o que significa que a Expiação de Cristo, sendo literalmente e verdadeiramente infinita, se aplica a um número infinito de terras."[1]

O Elder Marion G. Romney declarou:

"Jesus Cristo, como sendo o Criador e Redentor, é o Senhor de todo o Universo. Com exceção de Seu ministério mortal realizado nesta terra, Seu serviço e relacionamento com outros mundos e seus habitantes são os mesmos dos que ele mantém com esta terra e seus habitantes."[2]

Esse conceito é evidenciado em D&C 76:42, que afirma:

"Para que, por intermédio dele, fossem salvos todos os que o Pai havia posto em seu poder e feito por meio dele."

Em outras palavras, por ser Cristo o mediador de toda a criação (João 1:1-3) o poder de Sua Expiação se aplica não apenas aos habitantes desta terra, mas a todos os mundos e vida criada "por meio Dele". O princípio em si não é novo, tendo sido mencionado por escritores da Igreja Primitiva:

"Deus é o Pai de todos os mundos... Como o Pai da Grandiosidade está no mundo glorioso, assim Seu Filho reina no cosmos como o primeiro chefe de poder de todos os poderes."[3]

Orson Pratt ao se referir ao contínuo trabalho de salvação executado por Cristo até o momento atual afirmou:

"Ele se vai. Por que? Para realizar outros propósitos; Por que Ele tem outros mundos ou criações e outros filhos e filhas, talvez tão bons quanto estes vivendo neste planeta, e eles, assim como nós, serão visitados, e serão felizes com a continência do Senhor. Então ele partirá... de reino a reino e de mundo a mundo, causando aos puros de coração... a se regozijarem em Sua presença."[4]

Dessa forma, fica evidente que o alcançe do trabalho de redenção é muito maior do que esta terra, que apesar de especial, é apenas uma de uma infinidade de mundos criados por Deus. Para alguns ramos religiosos, o conceito minimiza a importância de nosso mundo, reduzindo-o a apenas "mais uma criação." Para Santos dos Últimos Dias, o conceito enaltece e engrandece o propósito de Deus de "levar a efeito a imortalidade e vida eterna do homem." (Moisés 1:39)

Abraço,


Intérprete Nefita

Referências:

[1] McConkie, Mormon Doctrine, 65
[2] Romney, "Jesus Christ, Lord of the Universe," 46
[3] Ibid., 143
[4] Journal of Discourses, 17:332